• blogdojotaeme

Brasil atinge 500 mil mortos pela Covid-19 em meio a protestos contra Bolsonaro no país

O Brasil atingiu neste sábado, 19, a triste e lamentável marca de meio milhão de mortes provocadas pela covid-19, desde os primeiros registros da chegada do vírus no país no início de 2020. Os dados foram anunciados pelo painel epidemiológico do Ministério da Saúde, na noite deste sábado, 19, apontando o total de óbitos da doença até agora, 500.800.

(à esquerda) a vacina contra o Covid-19 (à direita)


O número de pessoas mortas pela doença equivale a mais ou menos a população de Florianópolis, capital de Santa Catarina. É como se uma cidade como Floripa tivesse sua população dizimada. Outra forma de perceber as mortes é pela relação temporal, contando desde a primeira, em 17 de março de 2020, de maneira uniforme, teríamos uma pessoa morta pela doença a cada 1 minuto e 18 segundos.


Por outro lado, no dia em que o país atingiu a marca de meio milhão de mortos pela covid-19, milhares e milhares de pessoas saíram às ruas para protestar contra o Governo Bolsonaro, pedindo seu impeachment e mais vacinas contra a doença, além do auxílio emergencial.

Painel Epidemiológico do Ministério da Saúde imagem reproduzida da internet


De acordo com o fórum de organizadores, houve 247 atos de protesto ao longo do dia, em 366 cidades do país. As manifestações ocorreram nas 27 capitais e em 42 cidades do exterior em 17 países, segundo os organizadores. O público total estimado foi de 750 mil pessoas. Apesar das recomendações das autoridades sanitárias para evitar aglomeração, em muitos lugares houve aglomerações e não uso de máscara. Esse teria sido o maior protesto registrado desde que começaram as manifestações contra Bolsonaro.


O Brasil perdeu muito tempo para tomar medidas restritivas para controlar a pandemia, porque o Governo Federal preferiu ignorar o perigo do vírus e a exemplo do líder político que o antecedeu, achou que fosse mais uma marolinha, agora não do setor da economia mundial, mas de uma pandemia de dizimou cerca de 4 milhões de vidas no planeta. Por isso uma CPI em curso no Senado investiga as responsabilidades do Governo Federal nas mortes pela pandemia. Até agora apenas 11,5% da população brasileira receberam as duas doses da vacina.


4 views0 comments